Brasil e Paraguai ampliam cooperação contra o roubo de carros

Presidente Santiago Peña recebeu o ministro brasileiro da Justiça, Ricardo Lewandowski, para a assinatura de novos convênios.

Apoie! Siga-nos no Google News

O presidente do Paraguai, Santiago Peña (Partido Colorado), recebeu em Assunção, nessa quinta-feira (6), o ministro brasileiro da Justiça, Ricardo Lewandowski, tendo como pauta a ampliação da cooperação bilateral em áreas como justiça e segurança pública.

Leia também:
Operação Anemia desmonta esquema milionário de contrabando

No encontro, que também teve a participação do ministro paraguaio do Interior, Enrique Riera, foi feita uma avaliação dos 13 acordos firmados entre os países, no ano passado, ainda durante a gestão de Flávio Dino no ministério brasileiro.

“No ano passado, nos propusemos 13 objetivos. Hoje, fizemos uma importante prestação de contas, além da ampliação do compromisso em duas áreas: combate ao tráfico de pessoas e ao roubo de veículos”, afirmou Riera em entrevista coletiva.

Para Lewandowski, a assinatura de dois novos convênios, específicos para combater situações como a subtração de veículos automotores e a exploração transnacional de pessoas, ajuda a integrar ainda mais as ações nos dois países.

“O encontro de hoje serviu para estreitar os laços fraternos entre esses dois países irmãos. Avaliamos os 13 acordos que já tinham sido assinados e agora somamos dois novos acordos importantíssimos”, expressou o ministro brasileiro.

O próximo passo será a criação de grupos binacionais de trabalho, de forma a desenhar as estratégias que serão implementadas.

O governo do Brasil ainda anunciou a doação de dois helicópteros às forças de segurança do Paraguai, além da criação de um programa de capacitação de policiais, agentes antidrogas e militares, para o desenvolvimento de ações conjuntas na faixa de fronteira.

LEIA TAMBÉM
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.