PF confisca R$ 200 mil em eletrônicos importados no Aeroporto de Foz do Iguaçu

Mercadorias, como celulares e relógios digitais, estavam na bagagem de passageiro que iria embarcar para o Rio de Janeiro.

Apoie! Siga-nos no Google News

Policiais federais apreenderam produtos eletrônicos importados em bagagem de viagem despachada, no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, para o Rio de Janeiro, na noite de terça-feira, 12. O passageiro responsável pelas malas foi preso em flagrante.

LEIA TAMBÉM: Sicoob apresenta resultados e sorteia R$ 75 mil em prêmios nesta quinta-feira

A equipe realizava a fiscalização rotineira das malas despachadas pelos viajantes que usam o terminal, com o apoio de aparelho raio-X. Após a seleção das bagagens para vistoria, os respectivos proprietários foram identificados, para a averiguação de cada uma delas.

No procedimento, foram encontrados dezenas de aparelhos eletrônicos, entre os quais:

  • Macbook;
  • iPad;
  • celulares; e
  • relógios digitais.

Os importados não continham a documentação fiscal obrigatória e foram estimados em mais de R$ 200 mil pela Polícia Federal. “Tais mercadorias estavam nas bagagens de um passageiro, brasileiro, com passagem para a cidade do Rio de Janeiro”, informou o órgão.

O homem foi preso em flagrante e conduzindo para a Delegacia de Polícia Federal em Foz do Iguaçu, assim como as mercadorias. Na instituição, foi feita a lavratura da detenção.

Eletrônicos foram encaminhados para a Polícia Federal – foto: Divulgação/PF

Cargas aéreas

Nesta semana, em outra abordagem, a Receita Federal do Brasil (RFB) apreendeu produtos no aeroporto. Foram retidos 12 computadores entre as cargas aéreas de uma determinada transportadora. Os itens iriam para Goiânia (GO).

“Servidores constataram que a empresa responsável pela remessa adquiria a carcaça dos computadores (gabinetes) no mercado brasileiro. No entanto, os componentes internos dos computadores eram provenientes de atividades ilícitas de descaminho”, expôs a RFB.

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.