Terça-feira (9) de feriado na Argentina, Independência Nacional

Data é uma referência a 9 de julho de 1816, quando os líderes reunidos em Tucumán assinaram a declaração oficial de libertação.

Apoie! Siga-nos no Google News

Se você for à Argentina nesta terça-feira (9), encontrará grande parte do comércio fechada, devido à comemoração de um dos principais feriados do calendário do país: o Dia da Independência Nacional.

Leia também:
Férias de julho: veja a programação especial nas Cataratas do Iguaçu

A data é uma referência aos fatos ocorridos em 9 de julho de 1816, quando lideranças das então províncias unidas do Rio da Prata se encontraram em Tucumán, no atual Norte da Argentina, para firmar a declaração oficial de independência do país.

O processo de libertação tinha começado seis anos antes, com a Revolução de Maio de 1810, em Buenos Aires. Desde então, o governo já vinha sendo exercido, de fato, por representantes das elites locais, em substituição aos oficiais enviados pela Espanha.

Em Puerto Iguazú, a celebração, inicialmente marcada para as 9h30, no entorno da praça San Martín, foi transferida para o ginásio municipal, em razão das condições do tempo.

O maior desfile cívico-militar ocorre em Buenos Aires, na Avenida del Libertador, com transmissão ao vivo pelas redes de televisão. A programação inclui sobrevoo de aviões militares e cortejo de barcos pelo Rio da Prata.

LEIA TAMBÉM
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.