Três ônibus são apreendidos, carregados de muamba, nesta quinta-feira, 25

Manhã complicada para muambeiros e transportadores ilegais de passageiros. Em três ações, foram retidos e, depois, apreendidos três ônibus, cheios de mercadorias trazidas do Paraguai, também ilegalmente.

O primeiro ônibus foi retido pela Receita Federal, Polícia Rodoviária Federal e Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT)  no posto de fiscalização de Santa Terezinha de Itaipu, por volta das 11h.

Nos bagageiros, foram encontrados vários volumes de mercadorias importadas, em sua maioria eletrônicos. O motorista não apresentou os documentos exigidos pela legislação de trânsito para o transporte de passageiros.

Além disso, apesar de o país estar na pior situação sanitária desde que a pandemia começou, o ônibus estava lotado. Os 35 passageiros, além do motorista, seguiam para a capital paulista.

Muamba em todo canto. Foto RF

O veículo, os passageiros e as mercadorias, avaliadas em R$ 300 mil, foram escoltados à Receita Federal em Foz do Iguaçu para as providências cabíveis. Ninguém foi preso, mas serão enviadas Representações Fiscais ao Ministério Público para apuração dos ilícitos.

A ANTT anotou as seguintes irregularidades no ônibus: defeito em equipamentos ou itens obrigatórios, como o extintor de incêndio, vencido em julho de 2020; pneus carecas; faixas refletivas rasgadas. E ainda: transporte de encomendas e bagagem fora do local próprio, nos assentos.

O ônibus, com os passageiros, foi escoltado até a Receita Federal em Foz. Foto RF

TENTOU ESCAPAR

O motorista deste ônibus tentou fugir da fiscalização, mas se deu mal. Foto RF

No final da manhã, outro ônibus foi retido  depois que tentou fugir da fiscalização. A Receita Federal, Batalhão de Polícia de Fronteira e a Polícia Rodoviária Federal fizeram a verificação, constatando o transporte de muamba do Paraguai, avaliada em R$ 250 mil. Ninguém foi preso.

AINDA EM FOZ

Este não teve tempo de pegar a rodovia. Foto RF

O terceiro ônibus nem saiu de Foz do Iguaçu. Com 38 passageiros e carregado de muamba, o ônibus foi abordado na Vila A, estacionado próximo à BR-277.

Dentro, muitas mercadorias trazidas ilegalmente do Paraguai,  avaliadas em R$ 250 mil. Aproximadamente 38 passageiros dentro do ônibus, além do motorista.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

Cláudio Dalla Benetta é repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.