Foz do Iguaçu se destaca em competição estadual de hipismo

Trio de meninas iguaçuenses vence prova com obstáculos de até 90 centímetros e chefe da equipe é convocado para a seleção paranaense.

Apoie! Siga-nos no Google News

O Centro Equestre HP Horsinho de Foz do Iguaçu – representado pelas atletas Alicia Rocha Moises, de 14 anos, Mahiara Zandonai Cibils, de 23 anos, e Taila Irma Tartari de Souza, de 15 anos – conquistou o primeiro lugar na prova em que os obstáculos têm até 90 centímetros no Campeonato Paranaense de Saltos, realizado entre os dias 24 e 26 de maio na Sociedade Hípica Paranaense, em Curitiba (PR).

Para conquistar o lugar mais alto no pódio, o conjunto iguaçuense precisou percorrer o circuito de provas com o tempo mais próximo possível do que é considerado ideal pelos organizadores, derrubando o menor número de obstáculos.

As atletas do Centro – que funciona como escola de equitação e oferece atendimentos terapêuticos de equoterapia em Foz do Iguaçu – ao final da maratona de provas, alcançaram a maior pontuação entre as participantes e trouxeram o troféu de campeãs para a fronteira.

Trio de amazonas conquistou o primeiro lugar por equipe nos obstáculos de até 90 centímetros. Foto: Divulgação

Para ter sucesso no hipismo, é preciso grande sincronia e entrosamento entre atleta e animal. Segundo os profissionais da área, o contato com os animais aliado à sensibilidade humana faz com que os cavaleiros e as amazonas se destaquem no esporte. Os treinos constantes e a lida com os cavalos acentuam qualidades como a confiança para vencer os obstáculos.

O trio de atletas iguaçuenses que conquistou o Campeonato Paranaense de Saltos tem uma vivência de muita harmonia com os animais, grandes parceiros nas competições: Alicia Rocha Moises participa das provas com “Namastê”; Mahiara Zandonai Cibils monta “Nadal” e Taila Irma Tartari de Souza conduz o cavalo “Imagem”.

Convocação

Depois de brilhar como atleta, o cavaleiro Haidar Hussein Haidar foi convocado para representar o Paraná no Campeonato Brasileiro de Amadores, que acontece entre os dias 26 e 30 de junho em São Paulo (SP).

Haidar, que começou a competir no início deste ano, ficou surpreso e orgulhoso com a notícia: “Estou no segundo lugar no ranking do Paraná. Graças a Deus vou poder representar o meu estado nessa competição tão importante para o hipismo nacional”, destacou o, agora, convocado para a competição nacional.

Haidar vai competir com sua fiel parceira, a égua “Beladona Mystic Rose”, com quem já fez bonito em outras competições individuais. “Agora a meta é superar adversários de forma coletiva, representando o meu estado, e colocar o nome de Foz do Iguaçu, terra que eu represento, mais uma vez em destaque”, reforçou o empresário, que escolheu a Terra das Cataratas para viver, estabelecer negócios, formar família e, agora, dar orgulho para a cidade.

Outras premiações

Além do primeiro lugar na categoria 90 centímetros, outras atletas iguaçuenses conseguiram bons resultados no Campeonato Paranaense de Saltos. A atleta Hayan Haidar, de 13 anos, e a égua “Aurora” disputaram a categoria com saltos de até 40 centímetros. Em sua primeira disputa, a jovem amazona – que também treina no Centro Equestre HP Horsinho – conquistou duas medalhas: uma de prata nas provas do sábado e uma de ouro na prova do domingo.

A atleta Ana Clara Maciel, de 11 anos, também participou da prova com a égua “Aurora” e se sobressaiu na competição. Ela disputou a prova com obstáculos de até 80 centímetros de altura e conquistou uma medalha de ouro e uma de bronze.

Ao todo, os atletas que representaram o Centro voltaram com 12 medalhas, sendo 7 de ouro, 1 de prata e 4 de bronze, além de 6 troféus.

O chefe da equipe, o empresário libanês Haidar Hussein Haidar, ficou muito orgulhoso pela conquista do trio de jovens amazonas que deixou o nome de Foz do Iguaçu em destaque no cenário estadual de hipismo: “As meninas fizeram uma prova brilhante. Se dedicaram bastante nos treinamentos e mereceram alcançar o primeiro lugar”, comemorou.

Um mestre no galope

A coordenação técnica da equipe iguaçuense, que vem colecionando prêmios, está sob os cuidados do experiente instrutor e cavaleiro profissional Jaerson Correa. O gaúcho – que conheceu e se apaixonou pela montaria no exército – seguiu carreira profissional de equitação após se despedir do serviço militar.

Mestre Jaerson Correa empresta toda sua capacidade e experiência na formação de talentos. Foto: Eagle Eye Produções

Em Foz do Iguaçu há quase 30 anos, Correa já trabalhou como cavaleiro profissional, instrutor de equitação e administrou alguns dos principais clubes hípicos da cidade. Durante esse período, foi responsável pela implantação do Projeto Equita Kids, para crianças de 2 a 5 anos.Desde 2022, após um período de trabalho na Europa, o “mestre Jaerson”, como é conhecido nas pistas de equitação, passou a dedicar-se exclusivamente ao treinamento da equipe que representa o Centro de Equitação HP Horsinho. Os bons resultados na última competição estadual mostram que o trabalho está no caminho certo.

“Todo mundo veio com medalha, todo mundo veio com troféu e a nossa apresentação foi muito linda. Estamos muito satisfeitos com o desempenho de cada atleta”, enfatizou o treinador acostumado a grandes vitórias, mas que sempre se surpreende com novas conquistas.

Serviço

Centro Equestre HP Horsinho

Rua Mogi Mirim, 345, Lote Grande (a 150m da Avenida República Argentina)

Telefone: (45) 99999-1777

www.horsinho.com.br

LEIA TAMBÉM
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.