Classificada para a Copa, a Sérvia faz bonito dentro e fora de campo

Siga a gente no

Ao vencer Portugal por 2 a 1 no último jogo das Eliminatórias da UEFA para a Copa do Mundo no Catar, a Sérvia realizou uma bela ação em prol das crianças carentes do país.

Uma vitória contra Portugal. Era o que a seleção de futebol da Sérvia precisava para participar de sua terceira Copa do Mundo desde que se separou de Montenegro no ano de 2006. Iguais nos números de pontos, a Sérvia só iria para o Catar de forma direta se vencesse os portugueses no Estádio da Luz, casa do Benfica em Lisboa.

Ao mesmo tempo, com a vitória dos sérvios, Portugal iria para a repescagem das Eliminatórias da UEFA. Falta pouco tempo para ser dada a largada em uma das maiores competições do futebol, mas é tempo suficiente para que você descubra o porque é legal apostar online na sportingbet. Sem dúvida assistir aos jogos será muito mais emocionante.

Num jogo de muita luta, depois de ter sofrido o 1 a 0 com o gol do volante Renato Sanches, a seleção da Sérvia conseguiu virar o placar. Dusan Tadic ainda empatou o placar aos 33 do primeiro tempo e, já na reta final da partida, o atacante Aleksandar Mitrovic se tornou o herói de toda uma nação.

O centroavante de 1,89 de altura se posicionou próximo à segunda trave, aproveitou o cruzamento vindo da direita e, sozinho, cabeceou para o fundo da rede defendida por Rui Patrício.

Com o 2 a 1 garantido, a festa da Sérvia começou já dentro do campo e só iria ficar melhor. Antes da partida, o presidente do país europeu, Aleksandar Vucic prometeu uma premiação de um milhão de euros caso sua seleção se classificasse para o Mundial do Catar.

“Eu não posso dizer para vocês irem e jogarem. O que eu digo é para irem e vencer. Vocês terão todo meu respeito, não importa o resultado, se lutarem e darem o melhor de si. Sei que farão isso. Num acordo com o governo, nós reservamos uma premiação adicional de um milhão de euros. Se vencerem, poderão distribuí-la”, declarou Vucic junto à delegação sérvia que partia para Portugal.

Com o sucesso e a classificação carimbada, a Associação de Futebol da Sérvia recebeu o “bicho” pela vitória e o melhor ainda estava por vir.

De acordo com o jornal B92, a seleção capitaneada por Tadic reverteu toda a premiação em prol de tratamentos para crianças carentes do país. Outro nome presente na vitória sobre Portugal, o lateral-esquerdo Mihailo Ristic confirmou a ação para a rádio France Bleu: “Sim, antes de partirmos para Lisboa, o presidente falou sobre o bônus de um milhão. Acho que fizemos a escolha certa, pois na Sérvia existem várias crianças que precisam do dinheiro mais que a gente. Esse milhão será mais importante para eles, todos estiveram de acordo”, revelou Ristic após o sucesso.

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

NEGÓCIOS

Esta página faz parte da seção Negócios e não integra o conteúdo jornalístico do H2FOZ.

-->