Exportações, Alta vazão e SOS RS

Coluna da Associação dos Jornais Diários do Interior, 10 maio de 2024.

Apoie! Siga-nos no Google News

Infraetrutura
Dez municípios do Sul e do Centro-Sul receberão recursos do acordo com a Petrobras pela exploração do xisto no Paraná. O que deve ser aplicado na área de infraestrutura, conforme as demandas das prefeituras. O valor atualizado de mais de R$ 600 milhões começou a ser pago em dezembro de 2022 e será parcelado em 60 vezes. As parcelas mensais giram em torno de R$ 8 milhões e totalizaram até agora cerca de R$ 125 milhões.

Exportações
As exportações do Paraná no primeiro quadrimestre de 2024 bateram recorde para o período, somando US$ 7,47 bilhões. Melhor resultado da série histórica, o volume de mercadorias enviado ao Exterior de janeiro a abril superou em 1,6% as receitas registradas no mesmo período de 2023, quando o valor movimentado foi de US$ 7,35 bilhões.

Exportações II
Paraná segue líder de exportações da Região Sul. Soja em grão, carne de frango e farelo de soja foram as três mercadorias mais vendidas pelo Paraná a outros países. A China segue sendo o principal destino das exportações. Os Estados Unidos vêm na segunda colocação.

Nova milionária
Pela quarta vez na história do Nota Paraná a cidade de Maringá conta com uma pessoa contemplada com o prêmio máximo de R$ 1 milhão. A consumidora sorteada tem 50 anos e mora no Conjunto Cidade Alta. O ganhador do prêmio de R$ 100 mil é morador de Chopinzinho.

Contra covid
Paraná recebeu um novo lote de vacinas contra a Covid-19. A remessa conta com 136.800 doses da vacina Spikevax monovalente da Moderna, que foi atualizada para proteger contra a subvariante da Ômicron XBB 1.5. A nova vacina teve o registro aprovado pela Anvisa e vai substituir gradualmente todas as vacinas contra Covid-19 que estavam sendo utilizadas até o momento.

Feira adiada
A 1ª edição do Feirão do Turismo, marcado para acontecer em todos os estados, entre os dias 18 e 20 de maio, foi adiada e ainda não tem nova data para acontecer. Promovido pelo Ministério do Turismo, o evento não acontecerá como previsto por causa da situação do Rio Grande do Sul, que está em estado de calamidade em função das chuvas e enchentes.

Agroleite 2024
A Agroleite 2024 acontecerá de 6 a 9 de agosto no Parque de Exposições Dário Macedo, em Castro. O evento apresentará seminários, fórum internacional e painéis que apresentarão sobre genética, alimentação, qualidade animal, qualidade do leite e tecnologias voltadas ao setor. Castro é reconhecida como a capital nacional do leite.

Alta vazão
Com as chuvas que atingem o Sul do país, o Rio Iguaçu registrou vazão cinco vezes acima da média no último fim de semana na região das Cataratas. As Cataratas do Iguaçu tiveram vazão de 8,3 milhões de litros por segundo no sábado (4). Nesta segunda-feira (6), a vazão ainda era de 4,6 milhões de litros por segundo, três vezes maior que a média.

SOS RS
O Governo do Paraná enviou uma nova remessa de donativos com cerca de 400 toneladas para as vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul no início na tarde desta quinta-feira (9).  As doações fazem parte da campanha SOS RS, organizada pela Coordenadoria da Defesa Civil do Paraná, para arrecadação de alimentos, produtos de limpeza e higiene, água potável e roupas. A campanha segue até o dia 22 de maio.

Reconstrução do RS
O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), disse que os cálculos iniciais de sua equipe técnica apontam que serão necessários, ao menos, R$ 19 bilhões para reconstruir o Estado, após as fortes chuvas que causaram estragos, considerados os piores já registrados na história gaúcha.

Sede autônoma
O IFPR de Coronel Vivida, unidade que funcionava como campus avançado em Palmas, foi elevado à categoria de campus autônomo. Atualmente, o campus atende cerca de 300 estudantes nos cursos técnicos integrados ao Ensino Médio em Administração e Cooperativismo; curso de graduação de Tecnólogo em Gestão Financeira; curso de Formação Inicial e Continuada de Língua Portuguesa e Cultura Brasileira para Estrangeiros e o Programa Mulheres Mil.

Ecoturismo
O Brasil será sede do Adventure Elevate 2025, conferência internacional sobre ecoturismo, organizada pela Adventure Travel Trade Association (ATTA). O anúncio da cidade de Bonito (MS) como anfitriã ocorreu no Adventure Elevate América, em Quito, no Equador.  O presidente da Embratur, Marcelo Freixo, participou do evento que oficializou a nova cidade-sede.

Coluna publicada simultaneamente em 20 jornais e portais associados. Saiba mais em www.adipr.com.br.

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.