Conheça o taquaruçu, bambu nativo da região de fronteira

O quadro É da Vida é uma parceria do H2FOZ com o Parque das Aves e com a Iguassu Secret Falls; aperte o play.

Apoie! Siga-nos no Google News

Já ouviu falar do taquaruçu (Chusquea gaudichaudii), bambu nativo da Mata Atlântica, presente nos vales dos rios Paraná e Iguaçu? Talvez você o conheça por outros nomes, como taquara-brava, bambu-gigante ou bambu-trepador.

Veja também:
Pombos na Avenida Brasil? Descubra curiosidades da espécie

Na nova edição do quadro É da Vida, o ambientalista Francisco Amarilla vai à Trilha do Rio Carimã, na Região Sul de Foz do Iguaçu, para mostrar exemplares da espécie, que tem uma infinidade de usos.


Amarilla descreve que o taquaruçu, que ocorre em uma ampla faixa que vai de São Paulo ao Rio Grande do Sul, pode ser usado até para fazer boias e estruturas de flutuação nas águas, demonstrando sua versatilidade.

Um ponto negativo da ida à trilha, contudo, foi o achado de algo bem diferente do que o apresentador esperava encontrar.

“Estou vendo um negócio que não é daqui: lixo”, lamentou Amarilla.” “Não deixe lixo, lixo é na lixeira, aqui ou em qualquer lugar do planeta.”

O É da Vida é um quadro semanal do portal H2FOZ, em parceria com a Iguassu Secret Falls e o Parque das Aves. Aperte o play!

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.