Rede Hoteleira de Foz do Iguaçu cria serviços extras para contornar a crise que afeta setor na pandemia

O que um hotel com 150 apartamentos poderia oferecer além de hospedagem? A partir dessa reflexão, as equipes dos Hotéis Viale, em Foz do Iguaçu, planejaram novos serviços que pudessem trazer receita extra em pleno isolamento social gerado pela pandemia do Novo Coronavírus. “Esse momento acelerou um processo interno de inovação que já estava em andamento”, considera o gerente comercial da rede, Luciano Ferreira. Segundo ele, ações baseadas em tendências da hotelaria nacional e internacional foram executadas de forma mais rápida, usando a crise no setor como momento oportuno.

Foz do Iguaçu tem um dos maiores parques hoteleiros do Brasil, com 30 mil leitos. O setor foi diretamente afetado a partir das medidas de distanciamento social previstas em decretos municipais, estaduais e federais, entre os meses de março e julho. A redução drástica no número de voos, o fechamento dos atrativos turísticos da cidade e o bloqueio das fronteiras com Paraguai e Argentina reduziram significativamente o número de hóspedes. Pesquisa do Sindicato dos Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares (SINDHOTÉIS) da cidade, divulgada no mês passado, apontou ocupação abaixo de 2%. 

Mais que hospedagem

A saída para atrair clientes de outros perfis foi inovar. Depois da substituição de móveis e de uma repaginada na decoração, alguns apartamentos do Viale Tower Hotel, no centro de Foz, se transformaram em escritórios. Entre as vantagens: localização, internet de alto desempenho, recepção, limpeza, banheiro próprio, estacionamento, cofre, frigobar e máquina de café. O pacote de quatro horas sai por R$ 79,00 (+ 5% ISS) e há pacotes mensais, bimestrais e trimestrais. A procuradora da Fazenda Nacional, Mariana Rachi Silva, reservou o escritório para uma palestra on-line. “Tenho crianças pequenas em casa. Precisava de um lugar silencioso e achei a decoração da sala bem leve e aconchegante,” avalia.  

A procuradora da Fazenda Nacional, Mariana Rachi Silva, reservou o escritório para uma palestra on-line. (Foto Assessoria)

O último andar do hotel, a 60 metros de altura, é bastante disputado pelos hóspedes por causa do pôr do sol e da vista panorâmica que mostra os três países da fronteira: Brasil, Paraguai e Argentina. “Sempre recebemos muitos pedidos de fotógrafos e cinegrafistas interessados em fazer registros lá,” comenta o gerente do hotel, Fernando Higa. A partir da criação do pacote que prevê sessão de fotos e vídeos no rooftop do hotel, os funcionários prestarão atendimento direcionado, dando suporte aos interessados. Outro cenário que também desperta o interesse como set de fotos mais intimistas são os quatros. Como opção, a rede Viale oferece dois apartamentos com decoração que foge do padrão da hotelaria. 

Paisagem do último andar do hotel, bastante disputada pelos hóspedes, agora faz parte de mais uma opção de serviços (Foto Assessoria)

O Day Use – serviço que já estava sendo formatado antes da pandemia – também entrou em operação, estreando como opção de presente para o Dia dos Pais. O hóspede permanece no hotel das 8h às 20h, desfrutando de toda infraestrutura, da piscina e com direito a café da manhã e wi-fi. O pacote para família prevê a estadia gratuita de duas crianças de até sete anos. 

Quarto decorado é opção de set para fotógrafos e cinegrafistas (Foto Kiko Sierich)

Para os casais que não puderam fazer festa e nem viajar em lua de mel, os Hotéis Viale criaram o pacote romântico. O quarto decorado com pétalas de rosas e espumante também tem interessado aos casais que querem comemorar data especial sem sair da cidade. O consultor de vendas Luiz Fernando Rohde, incrementou a decoração e surpreendeu a esposa na comemoração de 10 anos de casados: “Como temos filhos pequenos, não gostaríamos de viajar para longe mesmo. Foi uma ótima opção!”

 Pacote Romântico – O consultor de vendas Luiz Fernando Rohde, incrementou a decoração e surpreendeu a esposa na comemoração de 10 anos de casados. (Foto Assessoria)

Meu Destino é Foz do Iguaçu

A rede iguaçuense também aderiu à campanha “Meu Destino é Foz do Iguaçu”, promovida pelo Visit Iguassu – instituição criada para atrair mais turistas à fronteira. Postagens com fotos das Cataratas do Iguaçu, da Itaipu Binacional, do Marco das Três Fronteiras e de outros atrativos turísticos estampam publicações em redes sociais, num movimento de fomento. Para oferecer vantagens financeiras, os Hotéis Viale garantem a melhor tarifa para quem reserva diretamente pelo site e ainda mais descontos para quem faz a reserva usando celular. As facilidades de pagamento incluem preços especiais para comprar agora com data de hospedagem a definir; adquirir hospedagem com antecedência – entre um e três meses – e valores promocionais para empresas que fazem viagens de negócio. 

A estratégia foi manter atenção às necessidades que começaram a surgir, apesar da fase difícil, e garantir segurança em relação aos procedimentos sanitários exigidos. Os Hotéis Viale têm o selo de Turismo Responsável, emitido pelo Ministério do Turismo, e partiu para iniciativas on-line para reduzir a circulação de pessoas nas áreas comuns: disponibiliza diretório de serviços on-line, serviço de web check-in e consultoria on-line. “Aproveitamos para agregar valor a novos serviços e há mais possibilidades sendo estudadas”, planeja Paulo Baldan, diretor dos Hotéis Viale. O otimismo também é impulsionado pelo anúncio de reabertura dos principais atrativos turísticos de Foz do Iguaçu. Cataratas, Itaipu e Marco das Três Fronteiras já estão recebendo turistas, principais impulsionadores da retomada econômica da cidade.  
 

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.