Fiscalização recolhe 1,8 tonelada de carne argentina em Foz do Iguaçu

Camarão e bebida alcoólica também foram confiscados; proprietário do espaço foi preso.

Apoie! Siga-nos no Google News

Fiscalização em Foz do Iguaçu apreendeu carne bovina, camarão e bebida alcoólica trazidos da Argentina. A ação da Polícia Federal (PF) e Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) foi realizada nessa quarta-feira, 22. A Receita Federal deu apoio logístico.

LEIA TAMBÉM: Carga de eletrônicos é confiscada na Ponte da Amizade

A mercadoria somou 1,8 tonelada. O proprietário do estabelecimento foi preso em flagrante por contrabando e falsificação de selo público. Sustenta a PF que os itens foram importados irregularmente da Argentina e expostos à venda. A defesa do homem detido nega irregularidades.

Os agentes relataram que também havia no local produtos de origem animal sem comprovação de origem e armazenados de forma inadequada, como carne bovina, ovina, suína e de frango, reportou a corporação à imprensa.



“Constatou-se que nos fundos do estabelecimento havia produção de linguiças sem registro nos órgãos agropecuários e a licença sanitária estava vencida desde abril deste ano”, informou a PF. As embalagens recebiam selo falso de inspeção, prosseguiu.

“Por esse motivo, foram acionadas as equipes de fiscalização da Secretaria Municipal de Agricultura e Vigilância Sanitária, que, por sua vez, interditaram o local”, expôs a Polícia Federal. O material apreendido foi encaminhado ao aterro municipal para destruição.

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.