Prefeito de Ciudad del Este anuncia protesto contra a violência

Ato público será em frente à sede da Polícia Nacional na segunda-feira (4); conforme Miguel Prieto, não haverá expediente na prefeitura.

Apoie! Siga-nos no Google News

O prefeito de Ciudad del Este, Miguel Prieto Vallejos (Yo Creo), publicou, em seus perfis nas redes sociais, que não haverá expediente no poder público municipal, na próxima segunda-feira (4), para protestar contra a violência na capital do Alto Paraná.

Leia também:
Empresários do Paraguai pedem enfrentamento frontal à violência

Segundo Prieto, a intenção é mobilizar a população para que participe de um ato, em frente à sede da Polícia Nacional em Ciudad del Este, para cobrar das forças policiais providências em relação à onda de assaltos e crimes violentos que atinge a região.

“Nunca estivemos assim. O que a polícia anda fazendo?”, questionou Prieto. “Estão nos matando todos os dias. A polícia que não atua é cúmplice.”

Nessa quarta (28), o proprietário de uma joalheria de Ciudad del Este foi morto a tiros durante um assalto praticado por dois homens que chegaram ao local em uma moto. Os suspeitos foram presos horas mais tarde, mas a maioria dos casos segue sem solução.

Na semana passada, empresários de Ciudad del Este redigiram uma carta aberta às autoridades do país, na qual cobravam, justamente, a adoção de medidas de enfrentamento aos crimes contra a vida e o patrimônio na região de fronteira.

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.