Zoológico Bosque Guarani oferece visitação gratuita a moradores e turistas - Foto: Marcos Labanca/Arquivo

Prefeitura afirma que busca ‘novo ambiente’ para animais do Bosque Guarani

Pela proposta, o zoo passaria a ser utilizado como parque de lazer em meio à vegetação.

A Prefeitura de Foz do Iguaçu informou nesta quinta-feira, 26, que busca “um novo ambiente” para levar os animais do Zoológico Municipal Bosque Guarani. O local abriga quase 150 animais, entre macacos, araras, papagaios, emas e muitos outros.

Segundo o município, a Secretaria de Meio Ambiente pretende encontrar um espaço mais “apropriado para proporcionar bem-estar e qualidade de vida para todas as espécies”. Os animais hoje estariam expostos à poluição sonora e visual.

Conforme a Agência Municipal de Notícias (AMN), o Instituto Água e Terra do Paraná (IAT) “constatou que os animais ficam expostos à poluição sonora e à intensa movimentação de pessoas na região”. A autarquia emitiu um documento em apoio à secretaria para a transferência, relatou a AMN.

A gestão informou que está em entendimento com órgãos federais e estaduais. “A prefeitura aguarda a autorização do governo estadual para transferir todos os moradores do zoológico para locais licenciados pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) e pelo IAT”, relatou.

Ainda de acordo com a prefeitura, o Bosque Guarani recebe revitalização para a nova finalidade. “A proposta é torná-lo um parque, para que a população possa desfrutar de lazer em meio à vegetação natural”, diz o comunicado.

Inaugurado em 1996, o zoo ocupa uma área de 4,5 hectares. Na região central da cidade, em frente ao terminal de ônibus, é visitado gratuitamente por turistas e moradores de Foz, o que inclui, em dias de semana, trabalhadores do comércio que utilizam o local no intervalo do expediente. Conta com um Centro de Educação Ambiental e área de estudos técnicos.

Há anos surgem propostas para que o poder público dê outro formato ao zoológio, a maioria delas sem consulta à comunidadade. Entre sugestões que já foram alimentadas está a eventual transferência do local para a iniciativa privada.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Paulo Bogler - H2FOZ tem 1283 posts e contando. Ver todos os posts de Paulo Bogler - H2FOZ

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.