Vendaval provoca estragos e falta de energia em Foz do Iguaçu

Fenômeno ocorreu pouco após as 14h desta segunda-feira (18), com quedas de galhos e árvores em várias áreas do perímetro urbano.

Apoie! Siga-nos no Google News

Moradores de Foz do Iguaçu foram surpreendidos, por volta das 14h desta segunda-feira (18), por um vendaval acompanhado por chuva, que derrubou galhos e árvores em várias áreas do perímetro urbano, em especial, no Centro, Maracanã e Região Sul do município.

Leia também:
Veja a previsão para os últimos dias antes do Natal em Foz do Iguaçu

Na Avenida Paraná, houve queda de árvores no trecho próximo ao Country Clube, obstruindo o trânsito. Pelo menos dois veículos estacionados em via pública, na região do Maracanã, foram atingidos e tiveram danos materiais.

De acordo com a Companhia Paranaense de Energia (Copel), 14 mil unidades consumidoras ficaram sem eletricidade em decorrência do temporal, com cerca de 1,7 mil permanecendo sem fornecimento na atualização das 16h.



Curiosamente, moradores de outras áreas do município, como no Porto Belo e partes das regiões Norte e Nordeste, não relataram nenhum fenômeno extremo, havendo bairros onde não caiu sequer uma gota de chuva.

Foto feita de dentro de viatura da Guarda Municipal mostra via obstruída por queda de árvores na região do Maracanã.
Foto feita de dentro de viatura da Guarda Municipal mostra via obstruída por queda de árvores na região do Maracanã.

A estação meteorológica do Simepar, por exemplo, não captou chuva ou ventania. Já a estação do Centro de Monitoramento de Desastres Naturais (Cemaden), no Porto Meira, reportou 24.4 milímetros, mostrando que a intempérie foi concentrada em áreas específicas da cidade.

LEIA TAMBÉM