Estudante de fotografia em Foz de 15 anos faz vaquinha para comprar câmera

Apreciador das artes, o jovem encantou-se com a fotografia - Foto: Divulgação/Arquivo Pessoal

Morador do Porto Meira, sonho do jovem é a profissionalização; contribuição é on-line. Com as lentes, sua preferência é captar e retratar pessoas.

Aos 15 anos, o morador de Foz do Iguaçu Kin Gabriel Titz descobriu a fotografia em um curso público. Ele conta que gosta de registrar de tudo um pouco, como lugares, flores, animais, comidas. A sua preferência é captar e retratar pessoas.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

Clique aqui para doar.

Encantado com o universo da fotografia, ele pretende seguir estudando essa arte, praticar e fazer dela uma profissão. Para isso tudo, o jovem morador na região do Porto Meira, no Jardim das Flores, precisa de um equipamento, o qual espera conseguir com uma vaquinha na internet para angariar recursos.

A máquina fotográfica custa em torno de R$ 4 mil. A plataforma virtual aceita doação de qualquer lugar do país, a partir de R$ 25 por contribuição. A arrecadação inclui os 10% do valor que o site de vaquinha retém.

Quem deseja ajudar Kin a realizar seu sonho tem até os próximos meses. As primeiras doações foram duas, totalizando R$ 55. Um apoiador anônimo, além de dar a sua contribuição em dinheiro, deixou uma mensagem sintética de incentivo: “Siga em frente, Kin!”.

“Descobri meu encanto com fotografia durante o meu curso”, explica Kin ao H2FOZ. A formação é como bolsista no Centro da Juventude, conduzida pela professora Áurea Cunha, fotojornalista que assina dezenas de trabalhos em imagem, além de ter trabalhado em vários veículos jornalísticos.

Foto em P&B produzida durante a oficina de fotografia do Centro da Juventude, em alusão do Dia Mundial do Fotógrafo.

Estudando no Ensino Médio, Kin Gabriel diz que o curso, neste ano, já será mais direcionado para a profissionalização. “Então, a câmera fotográfica já vai me ajudar nesse propósito”, revela o jovem, que também escreve poemas.

Uma câmera na mão, ideias na cabeça e muitos planos. Na sua jornada de futuro, Kin inclui a realização de cursos de edição e design gráfico, além de jornalismo, “sempre tentando aprender o máximo possível”, afirma.

“Pretendo me profissionalizar, e com a câmera me abriria uma grande porta para o mercado de trabalho”, prevê. “E, claro, com o tempo irei conseguindo mais equipamentos”, programa Kin Gabriel Titz.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.