Secretaria de Turismo prevê ocupação média de 13% na rede hoteleira de Foz, no feriadão

A Secretaria de Turismo e Projetos Estratégicos prevê uma ocupação média de 13% na rede hoteleira de Foz do Iguaçu durante o Feriado de Páscoa, entre os dias 2 e 4 de abril. Os dados levam em conta o decreto municipal vigente, que libera o funcionamento de 50% da capacidade de atrativos turísticos, meios de hospedagem e transportes turísticos.

Entre as maiores taxas de ocupação estão os hotéis com diárias de R$ 401 a R$ 500, que vão registrar 41% de ocupação, e os hotéis com diárias de R$ 501 a R$ 600, com 28%.

O secretário municipal de Turismo e Projetos Estratégicos, Paulo Angeli, reforça que o setor segue em processo de retomada, e cumprindo com rigor os protocolos sanitários para evitar a disseminação do coronavírus.

“A rede hoteleira e os atrativos mantêm padrões seguros e protocolos rígidos de segurança, oferecendo aos turistas as melhores condições para visitar a cidade. Temos que ver esse número dentro da atual realidade, com o funcionamento reduzido, sem traçar comparativos com anos anteriores em uma situação oposta”, avalia.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.