Primeira semana das férias de julho seguirá gelada em Foz do Iguaçu

Conforme a meteorologia, daqui até domingo (14), dificilmente as máximas ficarão acima dos 20°C na fronteira.

Apoie! Siga-nos no Google News

Os próximos dias continuarão gelados em Foz do Iguaçu, naquela que é a primeira semana de férias escolares para os alunos das redes municipal e estadual na Terra das Cataratas, além da maioria dos colégios particulares na cidade.

Leia também:
Férias de julho: veja a programação especial nas Cataratas do Iguaçu

Conforme o Simepar, órgão de meteorologia do Paraná, pelo menos até sexta-feira (12), o céu continuará carregado de nuvens sobre a região de fronteira, com temperaturas oscilando entre 9°C pela manhã e 15°C à tarde.

Próximos dias em Foz do Iguaçu. Gráfico: Simepar
Próximos dias em Foz do Iguaçu. Gráfico: Simepar

O dia com maior probabilidade de chuva será a quinta-feira (11), com acumulado de até 16 milímetros. Para o fim de semana, a perspectiva é de um sábado (13) ensolarado, mas gelado, e de um domingo (14) com eventuais pancadas.

Do dia 16 em diante, o Simepar vê tendência de temperaturas mais altas, oscilando na faixa entre os 15°C e os 28°C.

Já o site Climatempo projeta até condições de geada para sábado, com chuva somente para a quinta-feira. A Metsul Meteorologia indica precipitações para quinta, chuva isolada para sexta e temperaturas entre 4°C e 20°C para os próximos sete dias na fronteira.

Cataratas do Iguaçu

Às 13h desta segunda-feira, a vazão de água nas Cataratas do Iguaçu, medida pela Companhia Paranaense de Energia (Copel), era de 1.250 metros cúbicos por segundo (m³/s), cerca de 20% abaixo do referencial padrão de 1.500m³/s.

Vazão de água nas Cataratas do Iguaçu. Gráfico: Copel
Vazão de água nas Cataratas do Iguaçu. Gráfico: Copel

A tendência para as próximas horas é de redução, após pico de 2.260m³/s na noite anterior. Há, contudo, expectativa de aumento na manhã de terça-feira (9), depois da vazão de até 2.250m³/s na estação Porto Capanema, localizada águas acima no Rio Iguaçu.

LEIA TAMBÉM
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.