Sicoob Três Fronteiras divide R$ 3,1 milhões entre cooperados em sobras

Assembleia anual aprovou mais de R$ 2 milhões para fundo da cooperativa, que atingiu 55 mil “donos”, crescimento de 20% no número de associados.

Apoie! Siga-nos no Google News

O montante de R$ 3,1 milhões é quanto os cooperados do Sicoob Três Fronteiras irão receber diretamente na conta, com a divisão das sobras pelo desempenho no ano passado. Com isso, são R$ 8,6 milhões que retornam aos associados, com os R$ 5,5 milhões já entregues em dezembro, resultado da remuneração da conta-capital.

LEIA TAMBÉM: Sicoob Três Fronteiras quer atingir marca histórica de R$ 1 bilhão em ativos financeiros

A Assembleia Geral Ordinária (AGO) presencial e on-line, no último dia 21, além da fatia para os “donos” da instituição, aprovou a destinação de outros R$ 2,1 milhões para o fundo que dá força para a cooperativa desenvolver e ofertar serviços e soluções acessíveis. A plenária reúne delegados representantes dos milhares de associados.

Nesse momento de prestação de contas, transparência e direito dos cooperados de exercerem a participação e a decisão, os dirigentes do Sicoob Três Fronteiras apresentaram os indicadores e as conquistas anuais. Foi exposto e aprovado o planejamento e as metas de 2024.

O Sicoob Três Fronteiras comemorou 55 mil cooperados alcançados em 2023, crescimento vertiginoso de 20% em relação ao ano anterior. Outra vitória foi o ganho social anual de R$ 4,9 mil por associado, resultado de taxas e serviços mais baratos e dos retornos em sobras. A instituição almeja, agora, superar R$ 1 bilhão em ativos financeiros, ambicionando desafios e oportunidades ainda maiores.

AGO é uma instância de decisão e participação dos cooperados – foto: Divulgação


“Temos serviços financeiros de qualidade, taxas justas, e o nosso atendimento é personalizado. Distribuímos sobras em dinheiro e ainda promovemos o desenvolvimento da comunidade”, elencou o diretor-superintendente do Sicoob Três Fronteiras, Dirceu Tessaro. “Qual banco oferece isso a seu cliente?”, comparou, durante a assembleia anual.

Outros destaques citados foram a alta adimplência, o crescimento sustentado e o leque de soluções financeiras completas, de crédito ao consórcio, de investimento no agro às linhas específicas para empreendedores. “Temos tudo à disposição do cooperado, com o diferencial, não cansamos de repetir, de que todo o dinheiro movimentado fica aqui, na nossa comunidade”, enfatizou Dirceu.

Transformação pelo cooperativismo

Presidente do Conselho de Administração, Dimas Bragagnolo registrou o simbolismo na assembleia ao lembrar que o Sicoob Três Fronteiras surgiu do sonho de 25 fundadores e hoje atinge 55 mil cooperados, com presença em dois estados, Paraná e Rio Grande do Sul. Agradeceu o profissionalismo e comprometimento da diretoria, conselheiros, delegados e colaboradores.

“Com os resultados que conquistamos, só podemos dizer que é uma honra ajudar a construir essa história, que soma pessoas, sonhos, objetivos e projetos que transformam a sociedade”, declarou. “O Sicoob Três Fronteiras cresce porque seu compromisso é com a prosperidade e o desenvolvimento de todos”, completou Dimas.

Cooperativa mira superar R$ 1 bilhão em ativos financeiros, alcançando novo patamar de mercado – foto: Fotoarte/Sicoob


Presentes à assembleia, o diretor-presidente do Sicoob Central Unicoob, Márcio Gonçalves, e o presidente eleito do Conselho de Administração do Sicoob Central Unicoob, Jean Rodrigues, parabenizaram todos pelos resultados. E enfatizaram a gestão eficiente aliada ao olhar humano, comprometido com os princípios do associativismo.

“Além de parabenizar, fico muito impressionado com essa gestão, que traz resultados e que tem enorme humanidade. Isso faz toda a diferença”, pontuou Márcio. Jean afirmou que “o apego aos valores do cooperativismo do Sicoob Três Fronteiras e o pertencimento contagiam. Me sinto privilegiado de participar da assembleia”.

União e trabalho: resultados

O coordenador do Conselho Fiscal, Waldir Laufer, expôs o embasamento da auditoria externa e o parecer do conselho favoráveis ao balanço e às demonstrações. E ressaltou o papel colaborativo de fazer parte de um “trabalho prazeroso, em que nos reunimos, abordamos todos os assuntos, emitimos parecer e damos a nossa opinião”, frisou.

Conselheiro Sicoob Três Fronteiras, Laudelino Pacagnan expressou a satisfação com o Sicoob Três Fronteiras, destacando o trabalho mantido pelo Conselho de Administração e a Diretoria Executiva. “Quero parabenizar o carinho, o desempenho e a transparência demonstrados. Dá orgulho em todos nós”, compartilhou.

PRESENÇAS | Participaram da assembleia o presidente do Conselho Superior da ACIFI, Rodiney Alamini; pelo Sicoob Três Fronteiras, o vice-presidente do Conselho de Administração, Walter Venson; o diretor-administrativo e financeiro, Renato Schafranski; e o diretor de Negócios, Conderlei Lorenzetti; e convidados da Sancor Seguros do Brasil, da Unicoob Consórcios e da Unicoob Corretora.

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.