Fiscalização apreende R$ 100 mil em celulares no aeroporto em Foz do Iguaçu

A passageira mora em Santa Terezinha de Itaipu e iria embarcar para Guarulhos, na Grande São Paulo.

Apoie! Siga-nos no Google News

A Receita Federal do Brasil (RFB) confiscou 85 celulares que seriam despachados no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, carga estimada em R$ 100 mil. A fiscalização foi nesta sexta-feira, 26.

LEIA TAMBÉM: Contrabando ‘formiguinha’: operação confisca R$ 1,5 milhão em mercadorias

Em monitoramento de rotina, servidores suspeitaram de duas bagagens despachadas que aparentavam possuir peso elevado em relação ao tamanho. Com o scanner, foi possível observar diversos celulares.

A presença da proprietária foi solicitada à sala da RFB, para a abertura das bagagens, mas a mulher não compareceu. Depois, a companhia aérea informou que a passageira não se apresentou para o embarque, tendo deixado o aeroporto.

Com o scanner, foi possível observar diversos celulares -foto: Divulgação/RFB

“A passageira foi identificada como moradora de Santa Terezinha de Itaipu, que iria embarcar em voo para Guarulhos, na região metropolitana de São Paulo”, reportou a RFB. As bagagens foram abertas e os produtos apreendidos levados para a alfândega.

“O descaminho, prática de entrada ou saída de mercadorias sem o devido pagamento de impostos, e o contrabando, que envolve a importação ou exportação ilegal de produtos, prejudicam a arrecadação tributária”, frisou a Receita Federal. “E distorcem a concorrência no mercado, afetando negativamente a economia.”

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.