Paraná assina acordo para filial de museu francês em Foz do Iguaçu

Conforme a parceria, Terra das Cataratas abrigará a primeira unidade do Centro Cultural Georges Pompidou na América Latina.

Apoie! Siga-nos no Google News

O governador do Paraná, Carlos Massa Ratinho Junior, oficializou, nessa segunda-feira (6), em Paris, parceria com o Centro Cultural Georges Pompidou para a instalação, em Foz do Iguaçu, da primeira filial do museu na América Latina.

Leia também:
Itaipu anuncia pacote de investimentos para a COP30 no Pará

Ratinho Junior e comitiva foram recebidos pelo presidente do centro cultural, Laurent Le Bon, na sede da entidade. No mês de julho, uma equipe francesa virá à Terra das Cataratas para acelerar os detalhes do empreendimento.

Laurent Le Bom, presidente do centro cultural, recebeu a delegação paranaense. Foto: Jonathan Campos/AEN
Laurent Le Bon, presidente do centro cultural, recebeu a delegação paranaense. Foto: Jonathan Campos/AEN

A parceria conta com a participação da concessionária CCR Aeroportos, administradora do Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu. A empresa cederá um terreno próximo ao terminal aéreo para a construção e custeará a elaboração do projeto arquitetônico.

“Queremos que esse novo espaço cultural se some à nossa rede de museus, que já conta com o Museu Oscar Niemeyer, e seja um atrativo a mais para a cidade e o Paraná, potencializando ainda mais a nossa indústria cultural e turística”, afirmou o governador, citado pela Agência Estadual de Notícias (AEN).

No entender de Ratinho Junior, o momento é ideal para consolidar a parceria, tendo em vista os investimentos em infraestrutura no aeroporto, a duplicação da BR-469, a construção da Perimetral Leste, da Ponte da Integração e de outras obras em conjunto com Itaipu Binacional e governo federal.

Inaugurado em 1977, o Centro Pompidou, como é conhecido, abriga exposições, ateliê de escultura, biblioteca e oficinas culturais em áreas como dança, música e cinema. Atualmente, a instituição possui filiais na Bélgica, na Espanha e na China.

Além de Ratinho Junior, a delegação paranaense foi integrada pela secretária de estado da Cultura, Luciana Casagrande Pereira; pelo secretário de Planejamento, Guto Silva; pelo deputado estadual Mateus Vermelho; pela diretora-jurídica da CCR, Ana Maria Rovai; e pela gerente-executiva de Relações Institucionais e Comunicação da CCR, Josy Tibério.

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.