O momento foi emocionante e Micheli Frohich aceitou o pedido.

No HMCC, paciente recuperado da covid-19 pede a namorada em casamento na alta hospitalar

A noiva, claro, aceitou o pedido. Wagner esteve 59 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva para covid-19 e viu o pedido como demonstração de amor à espera e cuidado recebido de Micheli.

Após 59 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para covid-19 do Hospital Ministro Costa Cavalcanti (HMM), e tendo passado por intubação e uso de ECMO, o paciente Wagner Ottenio, de 40 anos, ganhou alta nesta sexta-feira, dia 10. Para tornar a data ainda mais especial, ele escolheu fazer uma surpresa para a namorada e a pediu em casamento na porta do hospital. O momento foi emocionante e Micheli Frohich aceitou o pedido.

“Foram dias difíceis no qual ela esteve comigo, acompanhou minha evolução, cuidou de mim e me esperou para hoje sair daqui, então não poderia deixar de retribuir e escolhi que fosse assim”, contou Wagner. Ele lembrou que a equipe médica e assistencial o ajudou a montar uma lista de desejos para após a alta, e o pedido era o primeiro. “Contei e pedi ajuda para todos e hoje consegui fazer”.

A, agora, noiva, Micheli, mora com Wagner há alguns anos. Eles se conheceram no trabalho dela e escolheram viver o amor. “Eu não esperava. Fui pega de surpresa e estou muito feliz”, falou Micheli. Na mão, ela fazia questão de mostrar o anel que ganhou e que foi um presente da equipe médica para o casal.

Casal se conheceram no trabalho dela e escolheram viver o amor

Esta foi a alta de número 1.285 no Centro Hospitalar. O caso de Wagner foi bastante celebrado pela equipe. “É um paciente que evoluiu para uma piora rapidamente, necessitando de um cuidado especial da equipe. Foram dias de intubação e uso de ECMO – um pulmão artificial fora do corpo que bombeia e faz circular o sangue – e hoje ele ganha alta recuperado”, explicou a médica Dra Gisele dos Reis Da-Cheri .

No momento da alta, o diretor superintendente do HMCC e do Plano de Saúde Itamed, Fernando Cossa, agradeceu a confiança da família no Itamed, no centro hospitalar e aos profissionais que cuidaram do paciente. “O Wagner é mais um vitória para nós. Todos estão de parabéns, em especial o casal que agora marca um novo passo. Viva ao amor e a vida”, disse.

“O 11 e o 7 de setembro na fronteira”
Guarê – Podcast do H2FOZ

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Assessoria

Este texto é de responsabilidade de assessoria da imprensa institucional e/ou empresarial. Veja mais conteúdo do autor.

Assessoria tem 542 posts e contando. Ver todos os posts de Assessoria

error: O conteúdo protegido !!! Este conteúdo e de exclusividade do H2FOZ.