H2FOZ lança infográfico exclusivo para entendermos a pandemia em Foz

Desde aquela quarta-feira, 18 de março de 2020, a vida de ninguém foi a mesma em Foz do Iguaçu. Esse foi o dia em que tivemos o primeiro caso confirmado de covid-19 (que na época só chamávamos de novo coronavírus) na cidade. Com o tempo, a quantidade de casos foi aumentando, e no dia 26 de abril infelizmente ocorreu a primeira morte.

De lá para cá os números se multiplicaram e a curva de contaminação oscilou entre altas, quedas e momentos de estabilidade. Um ano depois passamos a marca de 30 mil casos (felizmente a maioria dos pacientes se recuperou, com ou sem sequelas), e mais de 600 vidas lamentavelmente foram perdidas para a doença.

As vacinas começaram a ser aplicadas em janeiro, mas bem antes disso o sistema de saúde tentava adaptar-se para comportar esse contingente de infectados, chegando, por exemplo, a quadruplicar o número de leitos de UTI disponíveis para o atendimento dos casos mais graves.

Preparamos um material especial com vários infográficos que nos ajuda a entender a evolução da doença nestes 12 meses e até a tirarmos algumas conclusões.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Vacy Junior - H2FOZ

Vacy Alvaro é repórter e coordenador dos infográficos do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.