Em imagens aéreas, veja como está a Ponte da Integração

Ali pertinho, um dos grandes atrativos turísticos de Foz, o Marco das Três Fronteiras. Foto: Valtemir Pereira, o Billy

A colocação das aduelas sobre o vão central começou há quatro meses. São peças muito pesadas.

Já com mais de 75% das obras concluídas, a Ponte da Integração segue seu rumo sobre o Rio Paraná, em ambas as margens.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

Desde outubro, a obra entrou na fase conhecida como “avanço livre da superestrutura sobre o vão central”, com o lançamento da primeira aduela metálica que suportará a via da futura ligação entre Foz do Iguaçu e Presidente Franco, no Paraguai.

Cada aduela mede 11,90 metros de comprimento e 19,90 de largura. Serão necessárias 37 aduelas para completar o vão central. Cada peça pesa nada menos que 95 toneladas.

Os estais (ou cabos) vão sustentar a ponte. Foto: Projeto

As aduelas são integradas na superestrutura por meio de soldas especiais e complementadas com concreto, por meio de lajes pré-moldadas. Elas serão ainda suportadas por cabos de aço protegidos por cera de petróleo especial. No total, a ponte terá 116 estais, o que fará da Ponte da Integração um novo cartão postal da fronteira.

As fotos de Valtemir Pereira, o Billy, que ele publicou em sua página no Facebook, dão uma ideia da grandiosidade da ponte e, também, do avanço das obras. Billy era da Superintendência de Segurança Empresarial de Itaipu, área onde atuou até sua aposentadoria. Hoje ele se dedica ainda mais ao parapente, do qual ele faz suas fotos.

De um lado e de outro, a aproximação vai cada vez mais rapidamente.
Serão 34 aduelas sobre o vão central. Cada uma pesa 95 toneladas.
Em primeiro plano, a roda-gigante, um dos novos atrativos de Foz.

PERIMETRAL LESTE

A Ponte da Integração estará concluída no segundo semestre deste ano. Já a Perimetral Leste, que ligará a ponte à BR-277 e também em construção, deve ficar pronta em meados de 2023.

Na Ponte da Integração, a Itaipu Binacional já investiu até agora R$ 177 milhões. Na Perimetral Leste, com menos de 7% prontos, a binacional investiu R$ 6,85 milhões dos R$ 336 milhões previstos.

Perimetral Leste: obras avançam nos viadutos da Avenida General Meira, do acesso à Ponte Tancredo Neves e na BR-469.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

Cláudio Dalla Benetta é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.