Cristiane Santos durante entrevita no programa Marco Zero - Foto: Carlos Sossa

Novas regras para eventos sociais em Foz do Iguaçu entram em vigor nesta sexta

Setor de eventos é considerado fundamental para a retomada econômica do turismo. Assista à entrevista com Cristiane Santos, diretora de Marketing e Eventos da Secretaria Municipal de Turismo e Projetos Estratégicos.

A flexibilização das normas para a realização de eventos em Foz do Iguaçu era uma das notícias mais aguardadas por profissionais do ramo e pelo setor turístico. Ela veio na semana passada. O cronograma de retomada gradativa entra em vigor nesta sexta-feira, 16, com a ampliação do público para cem pessoas em eventos sociais.

O cronograma de liberação gradativa abrange eventos sociais, corporativos e esportivos. Clique e veja o cronograma da retomada de eventos em Foz.

Eventos são tidos como principais aliados no processo de recuperação econômica do turismo pelo Destino Iguaçu, somados à natureza exuberante, atrativos diversificados, compras e qualidade da hotelaria e da gastronomia. A diretora de Marketing e Eventos da Secretaria Municipal de Turismo e Projetos Estratégicos, Cristiane Santos, tratou do tema no programa Marco Zero, produção do H2FOZ e da Rádio Clube FM.

Assista à entrevista:

“É um momento tão importante e esperado, principalmente pelos profissionais de eventos”, comemorou. “Lógico que toda a cadeia do turismo sofreu muito com a pandemia, mas quem produz evento sofreu muito mais, pois muitos estão sem poder trabalhar até agora”, apontou Cristiane.

Na entrevista, mensurou a importância do segmento para o turismo iguaçuense e fronteiriço, afetado drasticamente pela pandemia. “Foz do Iguaçu estava em terceiro lugar no país como o destino que mais realizava eventos, tanto nacionais quanto internacionais. A partir de agora, tudo vai ser preparado e planejado para reaquecer esse setor.”

Cuidados permanecem

Conforme Cristiane Santos, a flexibilização levou em conta o cenário epidemiológico em Foz do Iguaçu e a análise de futuro, principalmente quanto ao índice vacinal. Mas as regras sanitárias de prevenção à covid-19 devem continuar sendo respeitadas pelos organizadores e participantes de eventos, sob a fiscalização do poder público.

“O regramento continua muito rígido. O organizador que solicitar liberação de evento vai assinar um termo de segurança sanitária em que garante que exigirá de todos os participantes que usem máscaras de proteção, que disponibilizará álcool em gel e manterá o distanciamento entre as pessoas”, frisou. Os solicitantes serão orientados sobre essas regras pela Secretaria de Turismo.

Haverá procedimentos para serem cumpridos no pós-evento, explicou Cristiane. “Principalmente nos eventos sociais, o organizador terá que enviar lista com todos os fornecedores, equipes e participantes, para que a gente possa manter esse controle”, detalhou a diretora de Marketing e Eventos.

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.

Paulo Bogler - H2FOZ tem 1162 posts e contando. Ver todos os posts de Paulo Bogler - H2FOZ