Prefeitura antecipa calendário de eventos e põe fim ao toque de recolher em Foz

Visão noturna de Foz do Iguaçu - Foto: Marcos Labanca

A partir de agosto, estão autorizados eventos corporativos com até mil pessoas e sociais reunindo no máximo 250 convidados.

Em decreto dessa sexta-feira, 30, a prefeitura antecipou o calendário de liberação de eventos corporativos e sociais em Foz do Iguaçu e revogou o toque de recolher. A gestão municipal justifica a medida pelo andamento da vacinação contra a covid-19 e a previsão de recebimento de um lote extra de imunizante partilhado entre as cidades de fronteira.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

Encontros corporativos com até mil pessoas e eventos sociais reunindo até 250 convidados poderão ser realizados a partir deste mês de agosto. Ao anunciar a medida, a administração enfatizou a importância do setor para movimentar o segmento turístico e a economia iguaçuense em geral.

A normativa, veiculada no Diário Oficial do Município, autoriza também:

setembro: autorização para eventos corporativos com até 1.500 participantes e sociais com até 500 pessoas – nesses casos, seguem proibidos bailes e pistas de dança. Serão liberados jantares de formatura com limite de 1.500 pessoas.

outubro: a partir do dia 15, serão liberados todos os eventos corporativos, independentemente do número de pessoas, com capacidade máxima de 70% dos espaços. Essa autorização está atrelada à expectativa de que 70% da população adulta esteja vacinada nesse período, com as duas doses, e com base no cenário epidemiológico.

A prefeitura decidiu revogar integralmente o artigo 11 do Decreto nº 29.078, do final de março, suspendendo o toque de recolher noturno, que proibia a circulação de pessoas no horário da meia-noite às 5h, diariamente. A administração municipal decidiu, ainda, ampliar o horário para abertura das atividades gastronômicas até à 1h.

A gestão iguaçuense afirmou que reforçará as fiscalizações de trânsito nos finais de semana, especialmente no período noturno. O objetivo, informou a Agência Municipal de Notícias, será coibir o uso excessivo de álcool e os acidentes de trânsito, visando a “garantir maior segurança à população”, pontuou.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Paulo Bogler - H2FOZ

Paulo Bogler é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected]h2foz.com.br Veja mais mais conteúdo do autor.