Lado argentino tem nova queda na venda de combustíveis

Província fronteiriça de Misiones, onde fica a cidade de Puerto Iguazú, registrou a maior redução em todo o território argentino.

Apoie! Siga-nos no Google News

A província fronteiriça de Misiones, onde está localizada a cidade de Puerto Iguazú, registrou, no último mês de março, a maior queda no volume de venda de combustíveis em todo o território argentino, conforme levantamento da consultoria Politikon Chaco.

Leia também:
Reajuste de abril: veja os novos preços dos combustíveis em Puerto Iguazú

Segundo a empresa, que trabalha com dados oficiais do setor, a retração em toda a Argentina foi de 12,1%, na comparação com março de 2023. O motivo central é a liberação dos preços da gasolina e do diesel, adotada pelo governo de Javier Milei a partir de dezembro.

Em Misiones, a queda foi superior à média nacional: 27%. Em segundo lugar ficou a província de Formosa (23,9%), que faz fronteira com o Paraguai. Já as menores reduções ocorreram na cidade de Buenos Aires (1,5%) e na província de Catamarca (4,6%).

Especificamente para Misiones, uma das explicações para o recuo maior nas vendas é, justamente, a localização na fronteira com o Brasil e o Paraguai.

Desde dezembro, os preços da gasolina e do diesel mais do que dobraram em cidades como Puerto Iguazú, tornando o custo para abastecer na Argentina similar ao praticado no Brasil e superior ao tarifário de muitas das distribuidoras no Paraguai.

Com isso, motoristas de Foz do Iguaçu, Ciudad del Este e municípios vizinhos deixaram de ir ao lado argentino para abastecer.

Para o início de maio, novos reajustes ao consumidor, na faixa dos 8%, estão previstos nos postos da Argentina. Os preços praticados em Puerto Iguazú desde o último aumento são os seguintes:

Tarifário dos postos Shell em Puerto Iguazú – abril/2024:
Nafta Súper: P$ 997.
Nafta V-Power: P$ 1.227.
Formula Diesel: P$ 1.063.
Diesel V-Power: P$ 1.299.

Tarifário dos postos YPF em Puerto Iguazú – abril/2024:
Nafta Súper: P$ 997.
Nafta Infinia: P$ 1.197.
Infinia Diesel: P$ 1.283.

O valor adicional cobrado dos motoristas estrangeiros, prática comum nos postos de Puerto Iguazú, não foi informado.

Já a conversão para reais dependerá da cotação obtida pelo consumidor. Ao câmbio de R$ 1 por P$ 200, por exemplo, o litro da Nafta V-Power, na rede Shell, custará o equivalente a R$ 6,13. Se a cotação for de R$ 1 por P$ 220, por sua vez, o valor cairá para R$ 5,58.

LEIA TAMBÉM

Comentários estão fechados.