Operação mira logística do contrabando na região da Ponte da Amizade

Alvo é um endereço que serve de entreposto para mercadorias do Paraguai, cita a Polícia Federal.

Apoie! Siga-nos no Google News

Operação conjunta cumpriu mandado de busca e apreensão em Foz do Iguaçu, mirando pontos logísticos de um esquema de contrabando de mercadorias do Paraguai. A intervenção reuniu Polícia Federal (PF) e Receita Federal do Brasil (RFB) nesta sexta-feira, 9.

LEIA TAMBÉM: Saiba como fica a abertura do comércio no carnaval em Foz do Iguaçu

A abordagem teve como alvo um imóvel localizado na Vila Portes, bairro que fica na região da Ponte Internacional da Amizade, na fronteira entre Foz do Iguaçu e Ciudad del Este, município do país vizinho. A ordem de buscas foi expedida pela Justiça Federal.

“O objetivo era apurar o ponto de armazenagem das mercadorias importadas trazidas ilegalmente, local das buscas cumpridas hoje”, reportou a PF. A operação resultou de investigações que começaram em 2022.



Na ocasião, um motorista de caminhão, que transportava carga de cigarros eletrônicos e HDs para computadores, foi preso por policiais rodoviários federais. Esses produtos eram trazidos ilegalmente do Paraguai, contextualizou a Polícia Federal.

Depois da ação da manhã desta sexta-feira, ao retornar às unidades, as equipes apreenderam um ônibus de turismo carregado com volumes de produtos importados, sem a devida documentação fiscal. O veículo e as mercadorias foram encaminhados para a alfândega, para as providências previstas em lei.

LEIA TAMBÉM