Se o sol é branco, por que amanheceu tão alaranjado? Ah, sim, tem previsão do tempo, também

H2FOZ – Cláudio Dalla Benetta

Se você  não é especialista – como nós – vai estranhar ao ler que o sol é branco. A explicação é bem simples: o sol é uma estrela – e de que cor são as estrelas?

Mas se é branco, como aparece sempre amarelo, durante o dia? E, ao amanhecer e entardecer, está sempre avermelhado? Na manhã deste domingo, 30, apareceu belamente colorido de laranja.

Vamos então à explicação, que é simples (o Google não nos deixa mentir). O sol, como foi dito, é branco, mas nós o vemos com algumas cores por causa justamente da atmosfera terrestre.

Os gases, partículas de poeira e de poluição contidos na atmosfera são os responsáveis pela variação de cor da nossa estrela de 5ª grandeza, como explica o portal Mundo da Educação.

Quando o sol surge ou se põe, seus raios luminosos atravessam as camadas mais baixas da atmosfera terrestre, onde encontram todo tipo de poluição, principalmente em dias secos, como faz atualmente em Foz. Essa poluição faz se dispersarem as luzes violeta, anil, verde e azul. A luz de cor vermelha é a única que consegue atravessar as partículas.

Quando a atmosfera está mais seca, os ventos qe vêm de cima para baixo não permitem que a sujeira da parte baixa da atmosfera se dissipe para pontos mais altos. A sujeira, portanto, dá o tom alaranjado. Ou vermelho.

Mais uma dose de laranja. Foto Patrícia Iunovich

Curioso, não? Ah, depois do espetáculo o sol saiu de cena. Não totalmente, mas ficou meio escondido atrás da cortina de nuvens. Timidez.

Tempos de verão

Mas vamos à previsão do tempo, com uma novidade nem tão nova assim: mais calor. Quem mora em Foz sabe que temperaturas acima de 30 graus são mais do que normais, na primavera e no verão.

Isso à sombra, que é por sinal onde a meteorologia mede as temperaturas. Ao sol, chega “facinho, facinho” aos 40 graus.

Aqui, há sites prevendo 35 graus na semana. Mas as mínimas ainda são simpaticamente agradáveis. Com a palavra, “nossos” meteorologistas:

Simepar: 16 e 17 graus de mínima, pra segunda e terça. Máxima de 31 nos dois dias.

AccuWeather: mínimas de 16 e 18, respectivamente, e máximas de 31 e 32 graus.

CPTEC/Inpe: 17 e 19 de mínimas e máximas de 34 e 32 graus.

Inmet: mínimas de 17 e 21 graus, máximas na segunda e terça de 35 graus (esta era a previsão a que nos referíamos logo acima).

Climatempo:  mínimas de 17 e 19 e máximas de 30 e 31, respectivamente pra segunda e terça-feira.

E a chuva?

Pro Simepar, só no dia 11, sexta da semana que vem; pro AccuWeather, um dia depois, no sábado.

O CPTEC/Inpe alivia um pouco a barra, prevendo chuva pro domingo, dia 6. E o Climatempo é ainda mais generoso: chove na tarde e na noite de quinta-feira, 3.

Inmet só faz previsão até quinta, dia 3. Até lá, nem uma gota, ao contrário do que prevê o Climatempo.

Tempo seco exige muita água. Como não vem das nuvens, que venha da torneira direto pro nosso corpinho. Hidratar-se é preciso, sobreviver à seca mais ainda.

 

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.