H2FOZ | Notícias | Foz do Iguaçu
  1. Home
  2. Notícias

Por: H2FOZ

Fuga de presos de Foz do Iguaçu deixa em alerta o Paraguai

Fuga de presos de Foz do Iguaçu deixa em alerta o Paraguai
Heliton Borges Machado, Vanderlei Carlos Xavier de Quadros, Valdecir Oliveira da Motta, Bernardo Ramón Oliveira Benitez (recapturado) Lindomar Ortega e Jonas Wagner de Macedo.

O temor de que os foragidos da Penitenciária  Estadual de Foz do Iguaçu II procurem abrigo no Paraguai levou a polícia de Alto Paraná a determinar estado de alerta. Os presos fugiram na madrugada de segunda-feira e até agora só um deles foi recapturado.

Os foragidos são considerados réus de média e alta periculosidade. São eles: Valdecir Oliveira da Motta, 24 anos, Bernardo Ramón Oliveira Benitez, 40 anos, Jonas Wagner de Macedo, 30 anos, Heliton Borges Machado, 41 anos, Vanderlei Carlos Xavier de Quadros, 43 anos, Lindomar Ortega, 42 anos.

Um dos fugitivos, Bernardo Ramón Oliveira Benítez, foi recapturado ainda na segunda à noite, quando estava caminhando numa rua do bairro  Bairro Lote Grande e foi reconhecido por um agente penitenciário.

Logo em seguida à fuga dos presos, a polícia brasileira alertou a polícia paraguaia de Alto Paraná, já que se temia a fuga de algum deles para Ciudad del Este. A desconfiança era que exatamente o preso recapturado iria passar para o Paraguai, já que ele morou em Ciudad del Este por vários meses.

Para o sub-chefe de Investigações da Direção de Polícia de Alto Paraná, Benito García, é mais provável que algum queira atravessar para o lado paraguaio por meio de barco.

"Geralmente, usam portos clandestinos, e não a Ponte da Amizade", afirmou, e por isso estão de sobreaviso os agentes que prestam serviços em toda a fronteira e nos bairros de Ciudad del Este, Presidente Franco e Hernandarias que têm acesso ao Rio Paraná.

Fonte: Vanguardia

X