Psicólogos buscam fortalecer o Janeiro Branco em Foz do Iguaçu

Campanha nacional de prevenção a doenças como ansiedade e depressão está completando dez anos em 2024.

Apoie! Siga-nos no Google News

Dois psicólogos de Foz do Iguaçu, Luziânia Medeiros e Paulo Abrantes, estão mobilizando ações para que a campanha Janeiro Branco, de prevenção a doenças como ansiedade e depressão, seja fortalecida na Terra das Cataratas.

Leia também:
Foz do Iguaçu terá vacina contra a dengue ofertada pelo Ministério da Saúde

No último dia 19, Medeiros e Abrantes estiveram na Câmara Municipal para dialogar com o presidente da Casa, vereador João Morales, e propor que o Janeiro Branco seja oficialmente instituído no calendário do município.

A iniciativa ganhou o apoio do vereador, com o projeto de lei devendo ser protocolado após o término do recesso parlamentar e lido nas primeiras sessões de fevereiro.



“Para nós é um dia memorável. Estamos muito gratos, e é importante salientar que essa é também uma conquista de todos os profissionais e instituições que atuam pela saúde mental nas esferas pública e privada”, comemorou Abrantes.

Uma das sugestões é que a lei municipal seja batizada com o nome do psiquiatra José Elias Aiex Neto, falecido no dia 12 de janeiro, aos 71 anos. Aiex dedicou a vida em prol da saúde pública, com foco nas doenças que afligem a mente.

Programação

Nessa quinta-feira (25), os psicólogos promoveram uma roda de conversa com a equipe multidisciplinar do Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil (Caps i), no Jardim Guarapuava.

Psicóloga Luziânia Medeiros em roda de conversa com equipe multidisciplinar do CAPS i, em Foz. Foto: Divulgação
Psicóloga Luziânia Medeiros em roda de conversa com equipe multidisciplinar do CAPS i, em Foz. Foto: Divulgação

Na próxima terça (30), haverá palestra com a equipe de trabalho do Hotel Viale Tower. Na quarta (31), será a vez dos colaboradores da Urbia Cataratas, concessionária responsável pela gestão turística do Parque Nacional do Iguaçu.

Além das palestras gratuitas, os voluntários promoverão, no domingo (28), na Praça da Paz, um ato aberto em prol da promoção da saúde mental em Foz do Iguaçu, no horário das 9h30 às 11h.

A ideia é divulgar hábitos que auxiliam no bem-estar e contribuem para a redução da ansiedade, como dormir bem, ter momentos ao ar livre, praticar exercícios físicos, praticar a gratidão, fortalecer as redes de contatos e manter uma alimentação saudável.

Saúde mental

Cofundadora do espaço Neosynapsis, que atende crianças, adolescentes e adultos, Luziânia Medeiros destaca que o Brasil é um dos países com maior percentual de pessoas ansiosas (9,3%), conforme dados da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Além disso, uma pesquisa nacional, divulgada no ano passado, indica que pelo menos dois de cada dez brasileiros já foram diagnosticados com ansiedade. Por sua vez, 12,7% dos entrevistados relataram já terem recebido diagnóstico médico para depressão. 

Janeiro Branco

Janeiro Branco é uma campanha nacional de conscientização para a importância da saúde mental, iniciada em Uberlândia (MG), pelo psicólogo Leonardo Abrahão, em 2014.

Em âmbito federal, a iniciativa é reconhecida, desde o ano passado, pela Lei n.º 14.556, que institui janeiro como o mês de campanhas nacionais de conscientização sobre a saúde mental.

Com a aprovação da lei municipal prevista para tramitar na Câmara em fevereiro, Foz do Iguaçu passará a integrar, oficialmente, a rede do Janeiro Branco.

Link para baixar materiais da campanha Janeiro Branco:
https://janeirobranco.com.br/materiais/

Lei que institui Janeiro Branco será batizada com o nome do médico José Elias Aiex Neto, que atuou 30 anos na saúde mental, pelo SUS. Foto: Gentileza/Assessoria
Lei que institui Janeiro Branco será batizada com o nome do médico José Elias Aiex Neto, que atuou 30 anos na saúde mental, pelo SUS. Foto: Gentileza/Assessoria