Foz do Iguaçu bate à porta de Brasília para manter incentivos ao setor de eventos

Comitiva de empresários somará força em mobilização nacional a favor do PERSE; extinção do programa afetará todo o turismo, avaliam entidades.

Apoie! Siga-nos no Google News

Empreendedores da hotelaria em Foz do Iguaçu reuniram-se para avançar em ações de defesa do PERSE (Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos), que corre o risco de ser extinto pelo governo federal. O encontro foi promovido pela ABIH Paraná – Regional Oeste e Sindhotéis.

LEIA TAMBÉM: Hotéis em Foz do Iguaçu recebem guia de segurança para turistas

Os empresários enfocam o apoio à ABIH Nacional, em Brasília, junto a deputados federais e senadores, para evitar que a MP 1202/2023 avance, acabando com o PERSE. Foi discutido o suporte à Frente Parlamentar Mista da Hotelaria Brasileira.

Além de dirigentes nacionais, participaram do vice-presidente regional da ABIH PR – Regional Oeste, Nilson de Nadai; o presidente do Sindhotéis, Camilo Rorato; e o presidente do Visit Iguassu, Jaime Mendes. As lideranças são unânimes em afirmar que MP afetará economicamente todo o turismo.



O principal segmento que poderá ser prejudicado seria o da hotelaria, que ainda não se recuperou do impacto da pandemia. A mobilização do setor turístico é a forma de buscar a manutenção do PERSE. Por isso, reforçou-se o convite aos empresários do setor de hotelaria e a entidades de Foz e região para irem a Brasília, de 5 a 7 de março, para que os parlamentares rejeitem a medida provisória.

Até o momento, cerca de duas dezenas de pessoas do município confirmaram a participação na comitiva. Os interessados em participar da mobilização devem preencher o formulário de inscrição para viagem à Brasília: https://forms.gle/aTaAG6s42GEivFt5A.

“Precisamos de ainda mais empenho do empresariado para conquistar a manutenção do programa”, asseverou Nilson de Nadai. “Os deputados federais e senadores votarão a favor do PERSE somente com forte mobilização da classe empresarial. Queremos levar pelo menos 30 pessoas da cidade para somar com centenas de colegas empresários brasileiros”, afirmou o dirigente.

Ampliação das forças

ABIH PR – Regional Oeste, Sindhotéis e Visit Iguassu estão concentrando esforços para facilitar acesso às passagens aéreas, além de hospedagem e traslado na capital federal. “Contamos com participação dos empresários da hotelaria, gastronomia e eventos para ampliar nossa representatividade no Congresso Nacional”, disse Nadai.

A articulação empresarial também passa por mediação direta na base política representativa. Nesse sentido, entidades e empresários de cada estado estão agendando reuniões com deputados federais e senadores –tanto previamente à viagem quanto nos dias de mobilização em Brasília.

(Com informações da ABIH PR – Regional Oeste)

LEIA TAMBÉM