Pertinho do fim do verão, tempo muda em Foz. E como será o outono?

Ao nascer, nesta quarta-feira, o sol borda de ouro as nuvens do horizonte. Foto: Patrícia Iunovich/Facebook

Faltam apenas quatro dias pra terminar o verão. Chuva volta às vésperas.

O verão, que foi muito seco em Foz do Iguaçu, termina oficialmente no domingo, dia 20, às 12h33.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

As “águas de março”, que este ano decepcionaram, ao menos aqui na região, voltam a cair em Foz do Iguaçu na sexta-feira, 18, de acordo com o Simepar, o Inmet, o Climatempo, Sistema Faep e AccuWeather. Isto é, previsão unânime.

Mas vai ser chuva fraca, de apenas 11 milímetros, conforme o Simepar. Segundo este serviço, continua a chover nos dois dias seguintes, sábado e domingo.

É isso também que prevê o Sistema Faep, mas reduzindo a possibilidade para o domingo (68% de chance de chover).

Para o Inmet, chove sexta e sábado, o que também é previsto pelo Climatempo. Já para o AccuWeather, chuva começa e termina na sexta.

Quanto às temperaturas, também há certa concordância dos serviços: deve diminuir um pouco no final de semana, mas ainda assim com temperaturas de um verão ameno, perto dos 30 graus. Isto é, máximas que não são de um “verão iguaçuense”.

OUTONO SECO

Perspectiva pro outono é de muitos dias de sol e pouca chuva. E, também, sem frio intenso. Foto: Patrícia Iunovich/Facebook

A má notícia é que, depois do verão seco, vem um outono com a mesma perspectiva, de acordo com análise do Climatempo, publicada no portal Terra. O outono, que segue até 6h14 do dia 21 de junho, terá uma influência ainda mais forte do fenômeno La Niña.

Normalmente, já é uma estação seca, marcada também pela chegada de ondas de frio mais intensas, com queda de temperatura mais acentuada no Sul do Brasil.

Não é esperado, de acordo com o Climatempo, nenhum evento de frio extremo nos estados do Sul, em março e abril. A primeira onda de frio forte do outono deve ocorrer na segunda quinzena de maio.

Durante o mês de maio, a passagem de frentes frias pelo Sul do Brasil, Mato Grosso do Sul e São Paulo pode provocar chuva forte nesses estados.

O portal Terra resume o outono de 2022: terá menos chuva do que o normal no centro-sul do país e frio, mas sem extremos; e mais chuva do que o normal nos estados do Norte e Nordeste do Brasil.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

Cláudio Dalla Benetta é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.