Impedidos de entrar, brasileiros atropelam funcionário da Migrações argentina

Atropelamento e fuga. Funcionário teve fraturas nas duas pernas. Foto El Territorio

O caso ocorreu por volta das 18h desta terça-feira, noticiam portais de Misiones.

Um funcionário do setor de Migrações da Argentina foi atropelado pelo carro em que estavam dois brasileiros, depois que ele impediu a entrada deles em Puerto Iguazú por falta da documentação exigida, noticia o portal El Territorio.

WHATSAPP – Assine a nossa linha de transmissão.

TELEGRAM – Entre em nosso grupo.

O fato ocorreu às 18h de terça-feira. O funcionário, identificado como Juan Pablo P., teve fraturas nas duas pernas. Os agressores fugiram e, como não há câmeras instaladas no local, sequer foi possível captar a placa da caminhonete em que estavam. Só se sabe que era uma caminhonete branca.

Pelas redes sociais, representantes sindicais dos empregados do setor de Migrações confirmaram o caso e disseram que não é a primeira vez que ocorrem agressões nas passagens de fronteiras.

Eles dizem que falta segurança aos trabalhadores e um sistema de controle mais efetivo. Há pouco mais de uma semana, lembraram, houve uma agressão a uma funcionária de Migrações que atua na fronteira de Clorinda, cidade argentina que forma uma conurbação internacional com a capital do Paraguai, Assunção.

MAIS PROBLEMAS

Outro portal de notícias, El Independiente Iguazú, noticiou os problemas provocados pelas longas filas de espera para entrar em Puerto Iguazú, neste final de semana prolongado.

A espera mínima foi de duas horas. A fila de veículos chegou à ponte Tancredo Neves, em alguns períodos. Em outros, como no domingo e na segunda-feira, por volta das 20h, se estendia até a Aduana brasileira.

Muitos motoristas não aguentaram a espera e abandonaram a fila na altura da ponte. Como a área está sem diluminação, os brasileiros retornavam com a colaboração da Gendarmeria Nacional da Argentina, para evitar acidentes.

O portal atribui essas longas filas aos entraves administrativos e burocráticos adotados pela Argentina na fronteira.

Gostou do texto? Contribua para ampliar o jornalismo em Foz do Iguaçu. ASSINE JÁ

Já escutou o último episódio do GUARÊ, o podcast do H2FOZ? OUÇA AGORA

É proibida a reprodução total ou parcial deste conteúdo sem prévia autorização do H2FOZ.

Claudio Dalla Benetta - H2FOZ

Cláudio Dalla Benetta é jornalista e repórter do H2FOZ. e-mail: [email protected] Veja mais mais conteúdo do autor.