Lista do TCU tem 7 candidatos de Foz que receberam auxílio emergencial e declararam patrimônio acima de R$ 300 mil

H2FOZ – Da redação

O Tribunal de Contas da União (TCU) divulgou uma lista que aponta 903 nomes de candidatos nas eleições deste ano no Paraná que receberam auxílio emergencial e declararam patrimônio acima de R$ 300 mil. Na relação (que está disponível no site do TCU: https://bit.ly/38uOoQk) aparecem sete candidatos a vereador em Foz do Iguaçu, além de um outro que renunciou ainda no início do pleito.

Fonte: TCU disponibiliza lista de candidatos às eleições de 2020 que receberam auxílio emergencial

De acordo com a lista, os candidatos teriam solicitado o auxílio por meio de aplicativo da Caixa. Na lista de Foz aparecem  Luiz Claudio Fonseca (Claudinho), do PRTB; Fernanda Angeli, do PSC; Peterson de Souza Silva (Peterson Ebenezer), do PTB; Paulo Julio Schonwald Puig, do DEM; Gabriela Zappa Ciarcia Stathaos, do PSD;
Vera Lucia Bastiani (Doutora Vera), do PRTB; e Manoel Roque Ovelar (Roque Ovelar), do PODEMOS.

A candidata Gabriela Zappa Ciarcia Stathacos, do PSD, comunicou ao H2FOZ que não solicitou e não recebeu auxílio emergencial. Afirmou ainda que o Tribunal Contas da União inseriu seu nome erradamente na lista e que o seu telefone celular foi furtado em abril. A candidata explicou que a pessoa pode ter utilizado o aparelho para roubar dados pessoais e fraudar o sistema. Gabriela colocou os extratos bancários à disposição para comprovar o não recebimento do auxilio emergencial.

Em seu perfil no Facebook, o candidato Peterson Ebenezer (PTB), que é microempresário, admitiu que recebeu o auxílio emergencial e disse que, assim como outros milhares de brasileiros sofreu um “baque” com a pandemia. Quanto ao patrimônio declarado, de quase R$ 650 mil, o candidato afirmou que o mesmo foi construído ao longo de sua vida ao lado da esposa. “É um direito meu, de microempreendedor, e estamos dentro da lei”, complementou.

Lista TCU – De acordo com a lista do TCU, divulgada na sexta-feira (6), tais casos demonstram potenciais integrantes do rol de inclusões indevidas do benefício, uma vez que os indícios apontam renda incompatível com as regras do programa.

Ao todo, 10.690 candidatos de todo o Brasil constam na lista, que contém o cruzamento de dados realizado pelo TCU e o cruzamento efetuado pelo Ministério da Cidadania a partir da declaração de bens informada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O TCU ainda informou que os resultados do cruzamento são apenas indícios de renda incompatível com o auxílio, já que há risco de erro de preenchimento pelo candidato, risco de fraudes estruturadas com dados de terceiros, entre outras possibilidades.

Quem pode receber o auxílio emergencial?

Segundo a Caixa, pode solicitar o benefício o cidadão maior de 18 anos, ou mãe com menos de 18, que atenda a todos os seguintes requisitos:

1) esteja desempregado ou exerça atividade na condição de:
– microempreendedor individual (MEI);
– contribuinte individual da Previdência Social; ou
– trabalhador Informal.

2) pertença a família cuja renda mensal por pessoa não ultrapasse meio salário mínimo (R$ 522,50), ou cuja renda familiar total seja de até três salários mínimos (R$ 3.135).

 

 

 

Alexandre Palmar

Repórter e Editor do H2FOZ e-mail: [email protected] Mais por Alexandre Palmar

error: O conteúdo é de exclusividade do H2Foz.